Uma das músicas indicadas para os grupos de família no tempo do Advento diz que “Famílias se unem na

16 Dez 2011

Uma das músicas indicadas para os grupos de família no tempo do Advento diz que “Famílias se unem na casa do irmão, é o povo de Deus em profunda oração”. Depois lembra que o “natal vem chegando, vamos acolher a paz que o menino Jesus vem trazer”.

A última semana do Advento nos convida a acompanhar os passos de Maria e José em busca do lugar ideal para o nascimento do Menino Jesus. A caminhada teve início com o “sim” que Maria deu ao anjo Gabriel para ser a mãe do Messias. Passou pela adesão de José ao plano de Deus e contou com a parceria de Isabel e Zacarias, os pais de João Batista. As duas famílias se uniram em oração e contemplação no momento em que Maria partiu para a região montanhosa da Judéia, entrou na casa de Zacarias e saudou Isabel. Foi aí que Maria entoou o Cântico Evangélico que rezamos nos nossos grupos de família em preparação ao Natal: “A minha alma engrandece o Senhor e exulta o meu espírito em Deus, meu Salvador”.

Preparar o Natal em família é uma forma de resgatar o sentido original desta festa, quando se comemora o nascimento do menino Jesus na Sagrada Família de Nazaré. É também fazer eco à campanha que a Associação dos Dirigentes Cristãos de Empresa da região está veiculando durante este período, afirmando que “acima de tudo Natal é Cristo”.

Ao longo dos anos, a festa do Natal foi associada a presentes. A idéia original é que o menino Jesus é o grande presente que Deus deu para a humanidade. Em retribuição, as pessoas foram trazendo presentes para o Menino Jesus, a exemplo dos sábios do Oriente que ofereceram ouro, incenso e mirra. Para que as crianças pudessem participar da alegria do Natal, introduziu-se o costume de dar presentes para elas. Hoje, para muitas pessoas, o Natal infelizmente se resume a presentes. Ele deixou de ser a festa cristã da encarnação do Filho de Deus e se transformou na festa pagã do consumismo.

Fazemos votos de que a última semana que antecede o Natal seja aproveitada para preparar os nossos corações e as nossas mentes para acolher o Menino Deus em nossas famílias. Que seja a oportunidade de as famílias se visitarem e, se for preciso, se reconciliarem, para juntos podermos celebrar a alegria do nascimento de Cristo na noite do dia 24 de dezembro. Que o Natal deste ano sirva para unir as nossas famílias e aproxima-las das famílias de Jesus e de João Batista. Que Deus nos abençoe!