SAV divulga testemunho do Seminarista Tiago Volpato

08 Jul 2020
1

O SAV, Serviço de Animação Vocacional divulgou o testemunho do Seminarista Tiago Volpato. Um relato emocionante de quem escolheu viver o sacerdócio.

Confira: 

"Sou Tiago Henrique Volpato, filho de Argemiro Volpato e Maria Rosângela Paulo, fui criado pelos meus avós Santa Helena Volpato e Davi Volpato, juntamente com o meu pai, deles recebi o primeiro testemunho de fé. Nasci em 31 de Julho de 1991 e fui batizado em 23 de Fevereiro de 1992, na Paróquia Santíssima Trindade de Arapongas, onde recebi os demais sacramentos da iniciação cristã, a primeira comunhão no dia 10 de Novembro de 2002 e a Crisma no dia 11 de Junho de 2006. Estudei na Escola Municipal Nereide de Souza Camargo e no Colégio Estadual Unidade Polo. E foi neste colégio que percebi o primeiro chamado de Deus, através de uma professora, a Ana Márcia, quando tinha 12 anos me chamou para fazer uma experiência no seminário palotino, a minha resposta prontamente foi: Não! Achei que com tal resposta, este chamado havia cessado, que engano, Deus não desiste de nós.

Percebi a sua insistência e a minha fuga, quando no ano de 2011, Deus realizou novamente este chamado através do Pe. Marcos Fábio de Oliveira, na época vigário na Paróquia Santíssima Trindade. Lembro-me o primeiro contato com o padre, ocorreu numa Missa em minha diaconia, na época São Bartolomeu, ao chegar, o ministro Milton me disse que o padre gostaria de conversar comigo, aquele dia não participei da Santa Missa, apenas pensava o que o padre queria. Ao final, Pe. Marcos se aproximou e apenas me fez um questionamento: você já pensou em ser padre? Não consegui responder, mas fiquei pensativo. Os dias passaram e como não respondia, ele insistia, me levou para conhecer os seminários, trouxe o Pe. Valdecir para conversar comigo e resolvi fazer uma experiência, lembro-me de participar naquele ano de dois encontros vocacionais. No primeiro, Deus me respondeu muitas perguntas, pois numa dinâmica a frase era: “Não fostes vós que me escolhestes, mas fui eu que vos escolhi” (Jo 15, 16) e no último decidi dar uma chance a Deus.

No dia 11 de Fevereiro de 2012, eu e mais dez, dos quais Edivaldo e Valdinei, que também serão ordenados diáconos, entramos no seminário, fizemos naquele ano o propedêutico. Entre os anos de 2013 a 2015 cursamos a filosofia no Instituto Filosófico de Apucarana e entre os anos de 2016 a 2019, a teologia na PUC, em Londrina. Quantas experiências vividas nas quais senti a ação de Deus. Nestes anos fiz a experiência pastoral nas Paróquias: Cristo Rei (comunidade São Judas Tadeu); Cristo Sacerdote (comunidade São Paulo); São Pedro – Mauá da Serra; Santa Terezinha do Menino Jesus – Sabáudia; Sagrado Coração de Jesus – Lobato e Imaculado Coração de Maria. Neste ano de 2020, em preparação para as ordenações retornei a Paróquia Sagrado Coração de Jesus, onde resido colaborando com o Pe. Paulinho nas paróquias Santo Antônio de Flórida e São João Batista de Ângulo. Nestes anos de formação percebi que não era eu quem estava dando uma chance a Deus, mas sim Ele que me deu a oportunidade de ser Feliz."


Comentários