O BATISMO SEGUNDO O CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA

24 Jun 2015

JESUS ESTÁ PRESENTE NO MEIO DE NÓS ATRAVÉS DOS SACRAMENTOS

O BATISMO SEGUNDO O CATECISMO DA IGREJA CATÓLICA

 

 “Ide, pois, e ensinai a todas as nações; batizai-as em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo. Ensinai-as a observar tudo o que vos prescrevi. Eis que estou convosco todos os dias, até o fim do mundo” (Mt 28, 19-20).

 

Prezados irmãos e irmãs, iluminados pelo Ano da Fé, quero, nesta edição, mencionar ou lhes falar sobre o sacramento do Batismo. A iniciação cristã realiza-se pelo conjunto de três sacramentos: o Batismo, que é o início da vida nova; a confirmação, que é sua consolidação e a Eucaristia, que alimenta o discípulo com o Corpo e o Sangue de Cristo, em vista de sua transformação nele.

Jesus está entre nós, através do sacramento do Batismo, fundamento de toda a vida cristã, porta da vida no Espírito, que abre o acesso aos demais sacramentos. Pelo Batismo, fomos libertados do pecado e regenerados como filhos de Deus, tornamo-nos membros de Cristo, incorporados à Igreja e participantes de sua missão.

Pelo Batismo,"banho da regeneração e da renovação no Espírito Santo" (Tt 3,5), entramos no Reino de Deus, fomos iluminados e nos convertemos em "filhos da luz" (Ef 5,8): e,  por conseguinte, configurados a Cristo, somos sinais visíveis de sua presença no mundo. Purificados de todos os pecados, o Batismo nos transformou em novas criaturas, e, como filhos adotivos de Deus, participantes da natureza divina, membros de Cristo, coerdeiros do Reino com ele e templos do Espírito Santo.

A graça santificante tornou-nos capazes de crer em Deus, de esperar nele e de amá-lo por meio das virtudes teologais: fé, esperança e caridade. Esta mesma graça nos concedeu o poder de viver e agir sob a moção do Espírito Santo, através de seus dons, e nos permitiu crescer no bem pelas virtudes morais.

Mergulhados pelo Batismo, no Mistério Pascal de Jesus Cristo, participamos do seu sacerdócio, de sua missão profética e régia. Dessa forma, Cristo está presente no mundo, através do Batismo de cada um de nós ; em nome de Cristo, anunciamos o Evangelho, damos testemunho de nossa fé, denunciamos o mal e nos colocamos a serviço do Reino. Como batizados, todos temos parte de responsabilidade na salvação da humanidade, e temos por obrigação professar, diante de todos, a fé que da Igreja recebemos, e participar da atividade apostólica e missionária do povo de Deus.

Selados, indelevelmente, e configurados a Cristo, “o batismo nos capacitou e nos comprometeu, como cristãos, no serviço a Deus, através da participação viva na sagrada liturgia da Igreja, onde exercemos nosso sacerdócio batismal, pelo testemunho de uma vida santa e de uma caridade eficaz. “O selo do Senhor é o selo com o qual o Espírito Santo nos marcou “para o dia da redenção” (Ef 4,30).  Tendo “guardado o precioso selo” até o fim, isto é, tendo permanecido fiéis às exigências de nosso Batismo, caminhamos, “marcados pelo sinal da fé, à espera da visão feliz de Deus – consumação da nossa fé – e na esperança da ressurreição.

 

+Celso A. Marchiori

Bispo de Apucarana